Categoria: Um Fartar de Vilanagem

Quando um telespectador olha para o pequeno ecrã, vê um produto acabado e, muitas vezes, não consegue imaginar o que está por detrás daquela reportagem, ou as horas de trabalho que foram precisas para produzir dois ou três minutos de emissão. Ora, neste espaço vou falar desse lado invisível da caixinha mágica e dos momentos que mais marcas me deixam, nas histórias de bandidos que acompanho diariamente.

Quando um Assalto se Transforma (quase) Numa Anedota

Os assaltos a idosos impressionam-me pela brutalidade desnecessária e gratuita que quase sempre os caracteriza. Já reportei casos de idosos espancados até à morte por meia dúzia de trocos. Já reportei casos de idosos que ficaram sem dinheiro para comer e para comprar medicamentos,… Continue Reading “Quando um Assalto se Transforma (quase) Numa Anedota”

Amor de Pai, Amor de Mãe

Todos os dias acordo a pensar no meu filho e na minha família. Todos os dias deito-me a pensar no meu filho e na minha família. Por essa e por muitas outras ordens de razão, há reportagens que me custam horrores. Em Abril de… Continue Reading “Amor de Pai, Amor de Mãe”