Quando és Apanhado Pela Patroa a Dormir no Local de Trabalho

Esta fotografia, tirada há três ou quatro anos, na redacção do programa “Queridas Manhãs” revela várias informações importantes nas suas entrelinhas:

  1. O funcionário está a meditar acerca da melhor forma de executar o seu trabalho.
  2. A patroa está perplexa com a dedicação quase sobre-humana do funcionário.
  3. O funcionário vai acordar com um torcicolo do caraças.
  4. Aqueles phones ao estilo de futebolista, não ficam bem ao funcionário.

No entanto,  a principal ilação a retirar desta fotografia é que é tramado ter razão antes do tempo. É tramado fazer uma soneca no local de trabalho, sem que os colegas percebam que o estamos a fazer a bem da empresa. Quem acha que estou a brincar ou a ficar louco, deve pôr os olhos na investigadora Nerina Ramlakhan, médica e coordenadora de uma pesquisa para a empresa de colchões Silentnight, para a Universidade de Leeds, no Reino Unido.

“No interesse da produtividade os chefes deviam considerar permitir que os trabalhadores durmam uma pequena sesta no local de trabalho – poderia fazer uma enorme diferença”, refere a senhora Ramlakhan. Percebem agora o meu ponto de vista?

Profissional que é profissional, deve começar a levar pijaminha e almofada para o local de trabalho. Já amanhã. Se o patrão não concordar, ou pensar em despedir-vos, mandem-no ligar para a Universidade de Leeds.

Written by Luís Maia

Luís Maia nasceu a 15 de Outubro de 1976, na Póvoa de Varzim. Licenciou-se em Comunicação Social no Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas. Em 1999 trocou um emprego em part-time, num call center, por um estágio remunerado somente com senhas de refeição, na redação da TVI. Iniciou aí uma carreira de repórter que o levou a produtoras como a Duvideo, Teresa Guilherme Produções e Comunicassom, para além do jornal 24 Horas e de estações como a TVI e a SIC. Entre 2008 e 2009 viveu em Angola, onde coordenou o entretenimento do primeiro canal privado daquele país, a TV Zimbo. Actualmente trabalha para a FremantleMedia, fazendo reportagens em directo no segmento de actualidade criminal, do programa Queridas Manhãs da SIC. É baterista reformado, ex-futuro jogador de poker. Mas é, sobretudo, marido, pai e, segundo consta, bom chefe de família.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: