Homens de Barba Rija

O meu filho tem quatro anos. Já quase sabe nadar, já quase toca bateria, já quase escreve o nome dele sem ajuda, já se veste sozinho, já diz umas coisas em língua inglesa, já conduz o seu carro elétrico e já tem a carta de condução da Kidzânia. Ah!… Até já dorme!

Não sei muito bem quais eram as minhas habilidades aos quatro anos, mas acho que não se comparavam às do Afonso. E não pretendo com isto reclamar o estatuto de sobredotado para o meu filho, até porque os seus amiguinhos da sala dos 4 anos, lá do externato, têm tantas ou mais aptidões do que ele. Tão pequeninos, tão bochechudos e já são uns homens de barba rija.

Nos dias que correm, empurramos os nossos filhos para a vida desde muito tenra idade. Damos-lhes actividades, experiências e tecnologias. Mas estas ferramentas só valem a pena se pincelarmos tudo com amor, se lhes soubermos dizer “não” nas alturas certas e se lhes ensinarmos a responsabilidade. O Afonso há-de ser o que quiser ser. Espero que seja um vencedor. Espero que seja feliz. Espero conseguir ajudá-lo a trilhar esse caminho. E espero ter  a sabedoria suficiente para deixá-lo voar quando ele ganhar asas. É maravilhoso vê-los crescer. Ele está sempre a dizer que é um homem. E é. Por sinal, um de barba rija.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: